07 abril 2010

gil t. sousa / na asa negra






16/


na asa negra
do pássaro da noite
todos os meus rios
recitam o seu correr










gil t. sousa
falso lugar
2004







1 comentário:

Magnolia disse...

De paixão tudo o que escreve....