12 setembro 2006

post it / m. f. s.



conta-me histórias de terror
das que arrepiam as articulações
histórias às cores fantasmagóricas
com suaves ectoplasmas
com muito ketchup
negrumes pelos cantos
e abismos

conta-me histórias de plástico
americano com perucas perfuradas
babas luminescentes
suspensas nas teias
pré-fabricadas
vítimas deliciadas
carrascos amedrontados

conta-me a versão revista
e ampliada da menina de capuz
sanguinolento
dentes de loba
adolescente
vestidinho de boneca assassina
diz-me como foi
que ela conseguiu
escapar à feroz avozinha

conta-me tudo
com muitos pormenores
não te enganes na sequência
que te farei repetir tudo
até o arrepio voltar




m.f.s.



4 comentários:

alexandreferreira14258@gmail.com disse...

Ora de blog em blog vagueando e não é que nunca se esgotam as supresas, o teu é uma delas e gostei do que li...
Parabens

Elder Marco disse...

Estava a procurar por blogs interessantes para ler e encontrei o seu. Legal, gostei do seu blog.

Susana B. disse...

Acompanho o seu blog há uns meses, mas nunca tinha comentado.
Escrevo agora apenas para dizer que gosto das suas escolhas.
Tembém tenho um blog de poesia, se quiser visitar será bem vindo
Um abraço,
Susana

http://palavrasquemetocam.blogspot.com/

pedra rolante disse...

gosto do sentido de humor!