12 Março 2014

luís amaro / a teixeira de pascoaes


I
Toda a noite transforma.
A verdade das coisas está perto
E o silêncio fala
Com as sombras da nossa alma, iguais
Às sombras dum jardim lunar
Com árvores e flores
Que reflectem nossa paisagem íntima.

Imagem do silêncio,
Ó fonte do meu sonho, recolhida
E imersa na penumbra…

Longe, uma tristeza irmã abre-me os braços
Onde tudo me diz
O sentido da vida!


luís amaro
árvores
inverno de 1951-52




Sem comentários: